top of page

Análise de uma cadência de 4 e-mails que eu recebi




Recebi uma cadência de 4 e-mails e vou fazer uma análise.


1. Chavões, chavões e mais chavões!


Pede reunião nos 4 e-mails, mas não fala diretamente o que faz, como vai ajudar a minha empresa. Usa chavões e frases genéricas como:


• “Parece haver sinergia entre os desafios da Mhaya e a forma que trabalhamos aqui na X”

Mas quais desafios eu tenho? Sinergia em que? Como eu vou agendar uma reunião através de um e-mail com uma empresa que não fala claramente o que faz, nem o segmento que atua e como pode ajudar?


• “Gostaria de compartilhar com você algumas experiências que podem gerar impacto positivo nos seus negócios...”

Experiências sobre o que? Impacto positivo em que? Em vendas outbound? Em marketing? Na gestão? Não é explicado.

Será que realmente um decisor vai parar alguns minutos para participar de uma call para ouvir “experiências” sem saber do que se trata?


1. A técnica de falar muito sem falar nada para vender tanto alface quanto software


Os 4 e-mails seguiram com a mesma comunicação vaga, o que chamo da técnica de falar muito sem falar nada que pode ser usada tanto para prospectar restaurantes para vender alface quanto grandes empresas para vender software.


• “A razão pela qual estou insistindo é porque eu realmente acredito que posso ajudar a Mhaya..”

Ajudar como? O que você faz? Qual o seu segmento? Ele não falou!

No final do 4º e-mail em nenhum momento a comunicação foi clara, mas foi um amontoado de chavões como:

•“quero ajudar nos seus desafios”

•“eu realmente acredito que posso ajudar nos seus desafios”

• “queria saber se faz sentido conversarmos sobre os seus desafios”


2. E por fim..


• “Se não for com você poderia indicar com quem ai na Mhaya poderia falar?”

Mas como eu posso indicar alguém se não ficou claro o que vende, o que faz? Se em 4 mensagens o que eu li foi um amontoado de chavões?


Um e-mail de prospecção precisa ser:


• Claro na proposta de valor;

• Objetivo: área que atua; segmentos ou empresas que impactou;


Eu li os 4 e-mails porque trabalho com prospecção, mas vocês acham realmente que um C-Level vai perder tempo?


Não, porque eles sabem que a partir da primeira abertura, receberá outro e outro e outro. Eles sabem que mesmo com o e-mail de break up esse blá-bláblá vazio vai continuar.


bottom of page