Em 2021 a personalização dos e-mails pode nocautear a sua automação?



PERSONALIZAÇÃO X AUTOMAÇÃO


Não é segredo para todos nós que prospectamos todos os dias que um e -mail personalizado gera muito mais engajamento que os templates genéricos na prospecção de vendas.

Esse dado é descrito em várias pesquisas, é não é de hoje.


Um estudo da Stanfor Business, por exemplo já falava em um aumento de 20% na taxa de abertura só pelo fato de colocarmos o nome do decisor no assunto do e-mail, isso tanto para e-marketing, quanto e-mails que têm como objetivo aquisição de novos clientes, ou seja, prospecção.


Outros estudos como por exemplo da Meetime confirmam essa informação:




Até agora estamos falando de personalização no assunto do e -mail, correto? Personalização para gerar altas taxas de open rate.


Mas nesse assunto a empresa Sales Loft foi bem mais longe, ela garante que personalizar o corpo do e-mail gera o dobro de respostas:


Os compradores de hoje querem - e esperam - se sentir compreendidos e que os profissionais de vendas os tratem como um parceiro, não como uma transação. A personalização do email de vendas ajuda a fazer isso.

É POSSÍVEL AUTOMATIZAR E MESMO ASSIM PERSONALIZAR?


Assim como é fato que a personalização aumenta o engajamento, também é fato que a automação de e-mails na prospecção também veio para ficar, principalmente quando a empresa tem um grande número de leads, pois é inviável em termos de produtividade e tempo escrever no modelo que eu chamo "one to one".


Mas quando se trata de personalizar eu entendo que vai além de colocar uma máscara que irá substituir o nome do decisor. No meu entendimento, colocar o nome do decisor é o mínimo, uma obrigação.


Personalizar é redigir um e-mail que o decisor tenha certeza que foi escrito para ele, mesmo que não tenha sido. E sim, é possível através de algumas ações bem simples:

  1. Separar sua lista de leads por segmentos, cargo ou duas listas separadas: segmentos e cargos;

  2. Entender as características do segmento ou do cargo: principais dificuldades, forças e fraquezas da concorrência, diferencia competitivo da sua empresa/produtos ou serviços;

  3. Cadastrar o lead com todas as informações facilitando o uso de máscaras;

  4. Desenvolver as suas próprias mensagens. Criatividade!


O QUE VEM AI PARA 2021?


Sim, temos alguns possíveis cenários para 2021. Com a adesão ao Home Office definitivamente para alguns segmentos e/ou cargos, é possível aumento considerável no número de mensagens por e-mails.

E o aumento no número de mensagens que um decisor recebe (o que já é grande), indica que temos que nos reinventar.


Não será este o momento propício para refletirmos sobre a massificação de chavões, clichês e aquelas frases de modinha retiradas dos "20 templates de e-mails matadores"?



ANATOMIA DE UMA E-MAIL PERFEITO, SEGUNDO A SALES LOFT


Com certeza a empresa Sales Loft resolveu nocautear a automação de e -mails. Vejam no meu vídeo.



Link do artigo aqui



Eu sou a Myrian Mourão, idealizadora dos cursos-mentorias learning-by-doing de prospecção de vendas e da UP - Universidade de Prospecção. Não comecei ontem, atuo com prospecção de vendas há 20 anos e treino profissionais de vendas em prospecção há 17 anos.

157 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo